Manutenção preventiva de veículos: entenda a importância para a empresa

A manutenção preventiva é realizada de maneira a se antecipar qualquer defeito ou perda de eficiência que um veículo possua. Para isso, são feitas avaliações frequentes nos itens principais, como motor, óleos e freios, de modo a garantir que tudo esteja funcionando corretamente. Ainda assim, muitos gestores de frota não dão a devida atenção para esse tipo de manutenção, a qual pode ser responsável por garantir resultados cada vez melhores.

Você tem cuidado bem dos automóveis de sua empresa ou da frota pela qual é responsável? Entenda qual a importância da manutenção preventiva para a empresa e quais resultados ela pode trazer!

Aumento da eficiência dos veículos

Com uma manutenção preventiva frequente e de qualidade, todos os componentes dos veículos passam a funcionar de maneira otimizada. Isso significa que cada veículo passa a ter um desempenho muito melhor, chegando a uma condição ótima.

O resultado disso é que ocorre um aumento da eficiência geral dos veículos, que passam a funcionar melhor. Em vez de ter um veículo que fica “agarrando”, fazendo barulho ou que oferece uma direção dificultada, sua frota passa a ter veículos que funcionam bem e de maneira eficiente.

Ampla redução de custos

A manutenção preventiva também é responsável por reduzir os custos devido a dois fatores principais: a eficiência elevada dos veículos e diminuição da necessidade de manutenção corretiva.

O primeiro fator, que diz respeito à eficiência, gera uma redução dos custos porque o veículo passa, por exemplo, a consumir menos combustível. Como tudo funciona da melhor maneira possível, o veículo consome menos e roda mais, gerando uma redução do valor pago para que o veículo esteja em atividade.

Quanto ao segundo fator, sabe-se que a manutenção corretiva é muito mais cara do que a preventiva porque inclui uma série de trocas de peças e de reparos que consomem tempo, dinheiro e conhecimentos mais avançados da mão de obra. Com isso, quanto menos defeito os veículos apresentarem, menos manutenção corretiva é preciso e, portanto, menores são os gastos.

Diminuição do tempo de parada

Como os veículos possuem menos defeitos, a manutenção preventiva também diminui o tempo de parada e, portanto, de entrega em geral. Isso significa que com a manutenção preventiva sendo feita da maneira correta, são menores as chances de que o veículo não ligue ou, pior, que pare no meio da estrada.

Isso também aumenta a disponibilidade da frota, ou seja, existem mais veículos que podem ser usados conforme for necessário. Desse ponto de vista, também há uma economia porque a empresa precisa cada vez menos alugar veículos de emergência, por exemplo.

Garantia de mais segurança

Um veículo que passa por manutenção preventiva frequente é um veículo naturalmente mais seguro. Isso se deve ao fato de que esse tipo de manutenção ajuda a prevenir falhas que acontecem de maneira silenciosa, como os freios. Existem alguns componentes podem não dar indicação de falha sem a manutenção correta, mas quando são necessários, deixam o motorista na mão.

Com isso, diminuem-se não apenas os riscos de acidentes devido a falhas mecânicas, mas também os riscos de perder cargas devido a esses potenciais acidentes. Assim, o motorista, a empresa e o cliente passam a ter mais segurança no processo logístico.

A manutenção preventiva de veículos é muito importante para garantir que toda a frota funcione da melhor forma, mais barata e mais segura possível. Com isso, todos os envolvidos no processo saem ganhando e toda a logística se torna melhorada.

Quer receber mais dicas e informações sobre como cuidar da logística da sua empresa? Então curta nossa página no Facebook e receba atualizações frequentes!

Comentários

comentários

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *